Blog da Paulinha

Críticas, Dicas, Vídeos, Notícias, Receitas e tudo mais.

23.9.11

Como evitar o desconforto ao fazer a barba?

Postado por FICsDaPaulinha |

Diz a lenda que Einstein teve algumas de suas melhores idéias enquanto fazia a barba. Mas, para muitos homens, esse ritual matinal não tem nada de contemplativo e relaxante. Em vez disso, barbear-se é uma empreitada frustrante que deixa a pele com uma sensação de coceira, doendo por causa da alergia à lâmina e cheia de pequenos cortes. De que adianta ter um rosto livre de pêlos se seu queixo está coberto de remendos feitos de papel higiênico manchado de sangue?

As dicas a seguir irão ajudá-lo a fazer as pazes com sua lâmina de barbear e colocar um fim ao martírio pelo qual você passa todas as manhãs em frente ao espelho. É óbvio: mulheres que raspam as pernas não estão livres desse desconforto. Por isso, embora este artigo seja direcionado principalmente aos homens, os conselhos podem ajudar mulheres a raspar seus pêlos de forma mais gentil e suave.

Prepare-se. A preparação adequada é o segredo para um bom barbear. Isso significa que é necessário hidratar e amaciar o rosto antes mesmo de aplicar o sabonete. Para obter resultados melhores, faça isso segurando uma toalha aquecida e úmida sobre seu rosto. Se não puder fazer isso, tente ao menos jogar água quente da torneira sobre o rosto (as mulheres devem tentar colocar as pernas na banheira por alguns minutos antes de depilá-las).

A causa dos
pêlos encravados
Os pêlos encravados, normalmente encontrados no pescoço e causados por pêlos que cresceram na direção errada, são um problema comum encontrado por homens de cabelo encaracolado. O problema normalmente pode ser resolvido ao evitar fazer a barba tão rente, e ao barbear-se na direção do crescimento dos pêlos.

Siga o pêlo. O pêlo é quem manda, ou seja, mova a lâmina na direção do crescimento dos pêlos. Normalmente, isso significa barbear-se para baixo no rosto e na parte superior do pescoço, e para cima na parte inferior do pescoço.

Barbeie-se no chuveiro. É o lugar perfeito para fazer a barba,
pois o vapor e a água quente amaciam e hidratam sua pele e sua barba. Deixe o barbear como a tarefa final de seu banho.

Esqueça seus cartões de crédito. Se tiver idade suficiente, deve se lembrar de um antigo comercial de creme de barbear em que um ator passava um cartão de crédito nos dois lados do rosto depois de ter se barbeado com dois produtos diferentes: um gel de um lado e um creme semelhante à espuma no outro. O lado com o gel quase não fazia barulho, o que sugeria um barbear macio, rente e mais desejável. O lado da espuma, por sua vez, fazia um som de arranhão enquanto o cartão passava por cima de pêlos restantes, supostamente indicando um resultado menos rente e, conseqüentemente, inferior.

Bem, não acredite em tudo o que vê na TV. Fazer a barba é traumático para a pele, dizem os dermatologistas; no que diz respeito ao desconforto, quanto mais rente o barbear, maior a dor. Tente aparar o crescimento diário um pouco menos rente para se poupar de muito desconforto.

Pare com as duplas - e triplas. Muitos dermatologistas acham que aparelhos de barbear com lâminas duplas e triplas são um exagero e prejudicam mais do que ajudam. Isso porque, depois de a primeira lâmina puxar a pele ao redor dos pêlos para cima, a próxima lâmina (ou lâminas) retira os folículos da pele. Em vez disso, experimente um barbeador descartável com uma única lâmina.

Faça mais espuma. Muitos homens acham que o creme de barbear hidrata o bastante para ser aplicado diretamente sobre a pele seca. Não mesmo: você precisa de mais hidratação, ou vai ser como se estivesse barbeando uma pele seca. Jogue água em seu rosto antes de colocar a espuma.

Esteja afiado. Uma lâmina cega pode arranhar sua pele; então, não tente usar a mesma lâmina ou navalha muitas vezes. A barba de alguns homens é tão grossa que uma lâmina vai servir para fazer a barba uma única vez.

Fique elétrico. Barbeadores elétricos não raspam tão rente quanto uma navalha com lâmina dupla e por isso têm menos probabilidade de irritar a pele.

Use uma loção pós-barba de qualidade. O álcool é o ingrediente principal nas marcas mais baratas, o que explica o motivo de ser uma tortura passá-las no rosto recém-barbeado. Uma boa loção pós-barba deveria refrescar a pele e limpá-la de bactérias, além de curá-la do barbear. Leia os rótulos e procure aloe vera ou outros regeneradores naturais incluídos nos ingredientes.

Experimente filtro solar. Outra opção é pular a loção pós-barba e passar um pouco de filtro solar após ter feito a barba. A loção irá proteger você do câncer de pele e manter seu rosto com uma aparência jovem.

Cure-se. Se tiver reação alérgica à lâmina, utilize uma loção de hidrocortisona (vendida sem receita médica) como loção pós-barba, o que vai ajudar sua pele a ficar boa rapidamente.

Pare de barbear. Se é obrigado a aparecer de cara limpa no trabalho, que tal deixar a lâmina de lado nos finais de semana? Deixar a barba crescer só 6 milímetros já pode acabar com as alergias e pêlos encravados. E na hora de se barbear novamente, não raspe tão rente ou a irritação vai reaparecer tão rapidamente quanto sumiu.

Diga adstringente. Peça na farmácia e mantenha à mão no banheiro para usar, caso se corte. O adstringente pode vir na forma de lápis ou em pó. Encoste-o no corte, pressione um pouco com o dedo e o sangramento irá parar. O sulfato de alumínio presente no adstringente puxa a pele para cima, fechando a ferida. Lave qualquer resíduo e você está pronto para encarar o mundo, sem remendos de papel higiênico.

Recomendações para cuidar da barba
Não nos esquecemos de você. Só porque não está fazendo a barba todo dia, não significa que não precisa cuidar da pele de seu rosto. Se não lavar o rosto e a barba todos os dias, pedacinhos de pele parecidos com caspa podem surgir. Passe xampu na barba durante o banho, quando estiver lavando o cabelo. Se isso for impossível por algum motivo, lave-a diariamente com sabonete facial.

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe seu comentário.

Subscribe